Balanço do Réveillon na ViaLagos
O período do Réveillon foi de grande movimentação na ViaLagos. Entre a última quarta-feira (30/12) e ontem (03/01), mais de 173milveículos passaram pela rodovia e as equipes do serviço SOS Usuário da CCR ViaLagos realizaram 396 atendimentos mecânicos.

Do total de veículos atendidos, 198 tiveram os problemas resolvidos na própria pista e 198 foram rebocados. Neste momento, o trânsito segue intenso em direção ao Rio de Janeiro, mas sem retenção. A movimentação de retorno se estenderá até quarta-feira (06/01) e de hoje até lá, mais de 90 mil veículos deverão passar pela rodovia. A CCR ViaLagos está com a Operação Verão, um esquema especial, com equipes e viaturas do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária reforçadas para atender ao aumento no fluxo de veículos nessa época.  A Polícia Militar Rodoviária intensifica as fiscalizações na via e o CPROEIS, Programa Estadual de Integração na Segurança, da Polícia Militar, atua na praça de pedágio fiscalizando a evasão de pedágio –  infração grave sujeita a multa que pode causar acidentes.A CCR ViaLagos opera com câmeras de monitoramento de tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao cliente, que contam com colaboradores e viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate. Duas bases estão localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 21,5 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40,5 (Araruama); e uma no sentido Rio de Janeiro, no quilômetro 56 (São Pedro da Aldeia). É recomendável que o motorista obedeça à sinalização e os limites de velocidade da rodovia para evitar acidentes.  Informações sobre o tráfego estão disponíveis 24 horas em www.grupoccr.com.br/vialagos ou no Disque CCR ViaLagos (0800 7020124), que conta também com Central de Atendimento ao

Deficiente Auditivo (0800 022 0130). Em caso de emergência, o motorista deve parar no acostamento, ligar o pisca – alerta e aguardar o socorro da CCR ViaLagos, que logo irá chegar. Se preferir, pode ligar para o 0800 da Concessionária. 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.