PONTO TURÍSTICO ‘GARGANTA DO REGISTRO’ SERÁ REFORMADO PELA PREFEITURA DE RESENDE

Projeto contemplará a restauração do monumento e do memorial, além de novos atrativos como a iluminação noturna de LED e o espelho d´água

A Prefeitura de Resende, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, já concluiu o projeto da reforma do ponto turístico ‘Garganta do Registro’, localizado na Serra da Mantiqueira. A Garganta do Registro, que simboliza a divisa dos municípios de Resende – no distrito de Engenheiro Passos, no Estado do Rio de Janeiro, de Itamonte, em Minas Gerais, e de Queluz, no Estado de São Paulo, ganhará nova projeção no turismo regional, alavancando a economia do município. O projeto, que faz parte do ‘Revitaliza Resende’, contemplará a restauração do monumento e do memorial (placa indicativa instalada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), além de novos atrativos como a iluminação noturna de LED decorativa e o espelho d’água.

O prefeito de Resende, Diogo Balieiro Diniz, destacou que a Garganta do Registro, que atinge a altitude de 1.669,28 metros acima do nível do mar, terá seus valores turístico e histórico resgatados com a transformação estrutural.

— O projeto visa recuperar um importante ponto turístico para a cidade de Resende, o que permitirá promover a economia regional com o aquecimento do setor. Dentre os serviços a serem executados durante o processo de obras, podemos citar: a restauração do monumento; revitalização do memorial que consiste na placa indicativa com mapa e novo material de vidro; a iluminação noturna com lâmpadas de LED decorativa que agregam mais economia, visibilidade e segurança ao local; e o espelho d’água com cascata, que funcionará com sistema rotativo e econômico, visando reaproveitar os recursos utilizados. É um antigo fontanário com bicas d´água, que terão sua estrutura original preservada. O objetivo é reavivar a memória do local, dando condições infraestruturais para maior durabilidade ao longo do tempo, além de uma manutenção fácil. Vale lembrar que a Garganta do Registro é atravessada pela rodovia BR-354, que liga a Via Dutra no distrito de Engenheiro Passos ao sul de Minas Gerais, trajeto comum para os amantes da natureza. O passo montanhoso dá acesso ao Pico dos Três Estados (ponto tríplice das divisas dos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo), à região da Pedra do Sino de Itatiaia e ao Pico das Agulhas Negras. Será mais um ponto de encontro entre montanhistas, ciclistas e turistas em geral, que vão registrar momentos de aventura e lazer ao lado de amigos e seus familiares – reforça.

A garganta do Registro faz parte do divisor de águas entre as bacias do Prata e do Rio Paraíba do Sul. Sobre seu aspecto na História do Brasil, no passado, as tropas que vinham de Minas Gerais eram fiscalizadas no local denominado Garganta do Registro, com a finalidade de registro dos produtos, inclusive, o ouro. Vale frisar que o ponto turístico em questão marca o início da Estrada do Planalto, a parte alta do Parque Nacional do Itatiaia.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.