Com receitas próprias, Massa di Casa é referência em comida italiana, em Santa Maria Madalena

Apaixonado por culinária, o empresário Franklin Miranda resolveu ousar, em 1993, abrindo a Massa di Casa, em Santa Maria Madalena, à 260km do Rio de Janeiro.

Natural de Natividade/RJ, mas madalenense de alma, Franklin encontrou na gastronomia o que chamam de aptidão. Do dom ao negócio, o autodidata é hoje referência em massas artesanais e molhos, na região.

As massas são leves e os molhos, saborosos, sem acidez.

Mas, nem só de massas vive o restaurante. O negócio deu tão certo que não demorou muito para que o restaurante começasse a expandir o cardápio e passou a oferecer comida caseira para o almoço.

As refeições são para 2 a 3 pessoas e todos os pratos acompanham arroz branco e feijão. Todos os dias o menu para o almoço é alterado , com três sugestões do chef, além do cardápio normal.

Embora o carro chefe da casa seja a lasanha, opções como pizza, canelone, fettuccine, espaguete, peixe, escalopinho de mignon, também são pedidos certos dos clientes.

O espaço também contempla a criançada com menu infantil, composto com bife e batata frita, e macarrão à bolonhesa.

No inverno, toda quinta-feira tem caldos no estabelecimento, que Franklin apelidou carinhosamente como quinta do caldo.

A culinária local e tão apreciada que Franklin passou a atender os pedidos de buffet para festas e casamentos.

Com uma arquitetura antiga preservada, o espaço conta com 400m° e uma decoração bem original, mesclando o rústico com o moderno.

A Casa comporta 72 pessoas, muito bem acomodadas, com distanciamento ideal entre as mesas.

Ao todo, são quatro ambientes, anexo ao bar comandado por Ivan, há 20 anos. O espaço tem uma iluminação diferenciada dos demais ambientes e é decorada com placas de carro e de sinalização, que representam os lugares já visitados por Franklin, como: Ohio, Virgínia, Maryland, Flórida, Nova York, Washington, Illinois, entre outros.

A Massa di Casa fica localizada na rua Barão de Madalena, 68, Centro. Todos são muito bem recepcionados pelo jovem, super dinâmico e comunicativo, Welington, que atende cada um com muita atenção, cordialidade e agilidade. Normalmente, o restaurante abre de segunda a sábado, das 11h às 23h, e aos domingos, das 12h às 17h. Porém, devido o decreto municipal por decorrência da pandemia do Covid, os estabelecimentos estão fechando às 20h.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.