Volta do Festival Gastronômico de Búzios promete aquecer turismo na Região dos Lagos

Boas notícias para quem é apreciador da gastronomia oferecida pelos restaurantes de Búzios. Um dos mais famosos festivais gastronômicos da Região dos Lagos está prestes a retornar. Devido a pandemia, o festival esteve suspenso por conta dos protocolos de medida de segurança e isso fez com que a economia e o turismo gastronômico perdessem força.
Completando 20 anos de existência, o Festival Gastronômico de Búzios foi idealizado pelo jornalista Gil Castelo Branco quando, em 2001, passava as suas férias na cidade. Encantado com as belezas das praias e em busca de tornar a cidade mais glamorosa e elegante, decidiu produzir um evento que mesclasse sabores e beleza, espalhado por todos os bairros da cidade.
Para Gil a realização do evento este ano será desafiador. “Ano passado pela primeira vez não teve festival devido à pandemia. Li e estudei bastante a melhor época em 2021 para produzir o festival. Escolhi novembro somente no Porto da Barra, pequeno, em quatro finais de semana para diluir o público. Para esta edição, fiz uma grande mudança com uma pegada mais cultural e esportiva. O maior desafio é manter o festival dentro dos padrões de segurança. Ainda teremos Covid em novembro. Vai ser um teste para 2022”, acrescenta.
De acordo com o jornalista, a ideia que começou como apenas um evento passageiro, ganhou adeptos de cidades vizinhas e de diferentes partes do mundo ao longo de todas as edições e também fez com que os restaurantes se aprimorassem para o festival. “O evento fidelizou um grande público que consome gastronomia e bebidas, melhorou a qualidade dos serviços básicos de atendimento. Fizemos, em parceria com o Sebrae, vários cursos para os restaurantes, garçons com bons resultados. Também melhorou a qualidade da comida servida pelos restaurantes”, informa.
Em Búzios, há uma mistura de sabores e o festival tem o intuito de mostrar isso. “Não existe uma culinária buziana, e sim uma cozinha internacional até porque Búzios tem muitas pessoas de diversas nacionalidades morando aqui e isso reflete na culinária. É uma cidade provinciana com uma mistura de culturas. Quando você passa no pórtico tem 52 bandeiras. Cada bandeira representa uma nacionalidade existente na cidade. Uma verdadeira Babel. A cidade que não tem prédios altos mantém sua identidade de cidade de interior praiana”, disse Castelo Branco.
A novidade este ano é a integração da cultura com o esporte, como “Búzios Running Aretê”, que irá promover eventos esportivos como passeio ciclístico, espaço de lazer para crianças e pista de corrida de rua com extensão de 10 km. O formato do festival que irá ocorrer no Porto da Barra terá um palco aberto nas laterais, para ventilação e 50 cadeiras para convidados, com distanciamento.

Confira abaixo a programação completa do evento.

Programação do Porto da Barra:

*Cia Balé do Rio de Janeiro – Balé Dancing Sinastra

Dias: 05 e 06 de novembro – 20 hrs

*Festival de choro

Dias: 12 e 13 de novembro – 20 hrs

*Academia Odília de Dança de Búzios

Dias: 19 e 20 de novembro – 20 hrs

*Cia Balé do Rio de Janeiro –              Balaustre

Dias: 26 e 27 de novembro – 20 hrs

Programação esportiva no Clube Aretê:

Dia 06 de novembro:

*Passeio ciclístico – Batom no asfalto (somente para mulheres) – 09hrs

Dia 12 de novembro:

*Aniversário de Búzios

Dia 13 de novembro:

*Competição (corrida de rua 10 km) – 08 hrs

*Competição contra relógio (circuito bike) – 10 hrs

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.